[NEWS] 화양연화 pt. 2 do BTS passa sua terceira semana no topo dos Álbuns Mundiais da Billboard

941053_783970918376308_5632368365249503033_n.png

O BTS não deixa o reinado dos charts. O álbum “화양연화 pt.2” do grupo, passa por sua terceira semana como o número 1 na lista dos Álbuns Mundiais da Billboard esta semana, estendendo a sua façanha sem precedentes.

Quando a pt. 2 passou do sexto lugar de volta para o primeiro na semana passada, ele marcou um recorde como o primeiro álbum k-pop a passar várias semanas como número 1 na categoria de Álbuns Mundiais. O álbum originalmente estreou como número 1 na parada do dia 19 de dezembro, 2015, entrando também como o número 171 na Billboard 200. Agora, o BTS extende seu recorde sem precedentes com uma terceira semana no topo da lista. O álbum já passou seis semanas na lista quando foi lançado, passando metade do tempo de seu lançamento no ápice da lista.

Além disso, na semana passada o BTS também esteve na lista com dois de seus outros álbuns: o Dark & Wild, de 2014, no décimo lugar (que esteve no sétimo lugar na semana anterior) e o 화양연화 pt.1, no décimo primeiro lugar (que esteve no quarto lugar na semana anterior).

A dominância do BTS nas listas significa que os outros grupos terão de se contentar de ficar atrás deles, como por exemplo o iKON (cujo álbum Welcome Back caiu para sexto lugar após ter estado em segundo lugar), Seventeen (que cairam para o nono lugar, após estarem em quinto) e o TWICE (o cd de estréia do grupo feminino esteve no décimo quinto lugar da lista).

Fonte: Billboard
Trans eng-ptbr; thami @ btsbr

Anúncios

Faça um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s